Thursday, January 7, 2016

[este ano é que vai ser] a modos que morri aos 32

Algures no mundo (na Austrália por exemplo) já tenho 32 anos. Digo isto porque o meu querido amigo George (que por acaso é australiano) já me deu os parabéns. Tenho 32 e morri! Não literalmente, óbvio, pois não poderia estar a escrever. Mas morri de cansaço e suor!

Serve o presente apenas para vos informar que contínuo a levar muito a sério esta história de ficar em forma, saudável e perder peso (e ficar boazona!). Passaram menos de 24 horas, eu sei! Mas já consegui atingir marcos marcantes (passando a redundância). Não comi pão à refeição e a metade que ele (o R grande) colocou próxima de mim em modo de "vamos lá ver se resistes" voltou para dentro do saco do pão. Não petisquei à noite como faço sempre e em vez disso bebi um cházinho (eu sei! eu? chá!). Não bebi à refeição, não ando a petiscar coisas que não devo (apesar de ter fome, enxarquei-me em água).  Mas, mais importante que tudo isso, fiz exercício. Mais precisamente 2 treinos de fitness que existem no youtube e que geralmente me cansavam só de olhar. Mas fiz o nível de beginners, treino de braços e treino de pernas. Coisa pouca é verdade, mas é melhor que estar alampada no sofá a escrever-vos.

Pronto, está contado! Não se riam. Estou a levar isto muito a sério! Quando sentir o corpo dorido, digo-vos se vou continuar ou não!

Aquele beijo,
*muah*
Ana