Friday, July 18, 2014

[há dias assim] férias da criançada

As aulas acabaram. Já desde o inicio do mês de Julho que a maior parte do tempo do R. é passado comigo, porque contínuo em casa. Não podemos sair daqui, mas temos que nos entreter. Tenho feito uma lista de actividades que vou usando para o manter ocupado. Mantê-lo ocupado significa estarmos juntos a fazer qualquer coisa, e não deixá-lo a brincar sozinho. Seria bom que se ocupasse sem ser preciso estar sempre com ele, mas a verdade é que esses momentos são escassos e curtos. Ele é dependente da mãe o dia inteiro, apesar de ser extremamente independente algumas outras coisas. Parece mentira, mas se estiver cá mais alguém em casa, mais facilmente se distrai sozinho do que quando estamos só os dois. Preciso de ideias para mais actividades, porque ainda vamos no principio das férias. Para vocês, deixo aqui a lista do que temos feito...

#01 - pô-los as trabalhar: o R. adora ajudar-me nas tarefas da casa, mas quando digo pô-los a trabalhar é algo mais didáctico e divertido. Estas férias, entre outras coisas, reciclamos umas caixas de morangos.


#02 - jogar consola: todos os miúdos gostam disso, e para nós graúdos, também é um bom entretém. Andamos a jogar Lego Indiana Jones e divertimo-nos muito.

#03 - fazer jardinagem: rapazes gostam de terra. É um facto! O meu adorou e todos os dias quer regar. Temos batata doce plantada, hortelã e cebolinho.

#04 - levá-los ao parque: é certo e sabido que os miúdos adoram brincar no parque. Temos a sorte de só precisarmos de atravessar a estrada. De preferência, levá-los de manhã, se quiserem que de tarde estejam cansaditos e com vontade de dormir a sesta.


#05 - brincar ao faz de conta: é algo que acontece frequentemente cá em casa. Acho que faz bem, desenvolve a imaginação, é divertido e podemos ser piratas num dia e astronautas noutro. O R. adora e tem uma imaginação gigante. E além disso, acaba por aprender muito sobre cada tema que escolhe.

A lista contínua num próximo post...

Mas, no desespero, quando preciso de descansar de brincadeiras de criança ponho-o um bocadinho no computador. É a forma de o manter sossegado sem me chamar (a maior parte das vezes). Não é algo que aconteça muito, porque mesmo que o deixe lá ficar, ele depressa vai atrás de mim para onde eu estiver.

Aquele beijo,
*muah*
Ana